GNRation está ON!

by carlos martins

O GNRation, conceito desenvolvido pela Opium para a Câmara Municipal de Braga, já abriu as portas. O Festival ON, realizado entre 30 de Abril e 5 de Maio, provou a pertinência e qualidade do projecto, convocando milhares de pessoas para viveram e experimentarem a arte, a ciência e a tecnologia, ao serviço da cidade, da economia e dos cidadãos.

Brazil and the case for muddle-through-ology

by carlos martins
brasil.jpg

Brazil’s creative and cultural output is already feted the world over. And on the way, culture and creativity have become very good earners (making up approximately 8 per cent of GDP), generating skilled employment and making connections to the global economy in ways that other industries find hard to match. But these vibrant economic sectors alone don’t fully explain what a well-nurtured creative economy means for Brazil. After all, not everyone can be the next star of Tropicalia or, these days, Tecnobrega.

As Indústrias Culturais da América do Sul juntam-se de 15 a 18 de Maio de 2014

by carlos martins

Um grande passo foi dado na criação de um mercado cultural comum entre a Argentina, Brasil, Colômbia, Equador, Peru, Bolívia, Uruguaie e Venezuela. Reunidos no passado 11 de Abril, representantes destes países acordaram na criação de espaços de colaboração que permitam aos artistas e criadores novas oportunidades de circulação e apresentação.

A primeira iniciativa comum terá lugar nos dias 15 a 18 de Maio em Buenos Aires e consiste na realização do primeiro mercado sul-americano de Indústrias Culturais, o MercoSur. Uma grande oportunidade para a aproximação cultural e económica entre os países de língua portuguesa e espanhola. Uma grande oportunidade, por isso, também para Portugal.

Opium presente no Mercado de Indústrias Culturais Argentinas

by carlos martins

Por convite do governo argentino, a Opium foi convidada a estar representada no MICA - Mercado de Indústrias Culturais Argentinas, de 11 a 14 de Abril, em Buenos Aires.

IMG_0356.JPG

Este grande evento, que integra os sectores das artes cénicas, audiovisual, design, editorial, música e videojogos, tem como objectivo dar a conhecer o melhor da produção criativa argentina ao mercado internacional, gerar encontros e promover parcerias empresariais.

A Opium foi a única empresa portuguesa convidada para estar presente no MICA.